30 de junho de 2009

Encarando um Friseur


Depois da minha viagem para Köln, meu cabelo simplesmente decidiu que não ia mais desembolar as pontas. Não sei se foi a tinta que trouxe de lá, a água que tem ainda mais calcário que a daqui do sul ou se foi o shampoo novo que comprei. Então minha opção era vencer meu medo de entrar num salão de beleza daqui, correndo o risco de sair com cabelo de turco (sem preconceitos, mas quem mora aqui vai me entender!) ou conviver com aquela bucha e economizar no bombril.

Não pensei duas vezes, separei uma foto da Penélope Cruz com o corte bem parecido com o que eu gostaria que a frauzinha fizesse, decorei umas palavras básicas para me fazer entender e lá fui eu com a cara e a coragem. Voltei com nadica da Penélope Cruz, mas pela bagatela de 25 euros (paguei barato na Alemanha. O que???) voltei para casa com um capacete que posso e que tenho que usar 24 horas. A emboleira do cabelo que eu queria tirar, continua aqui. Fazer o que, né? Agora é comprar uns cremes caros (amor, não eh minha culpa pq eu nem queria!) e tentar operar um milagre caseiro. Ah, a frauzinha ainda me deu um cartão fidelidade do salão que vale para a família toda, então se alguém que mora na vizinhanca tiver moto e quiser um capacete também, pode vir me visitar e fingir que faz parte da família, assim eu ganho desconto no meu décimo segundo corte (senta e espera que eu to voltando, viu?).

Mas vai falar que minha ida no cabeleireiro (meu Deus como português é difícil) não foi produtiva. A mesma frauzinha que me transformou num cabecao, disse que existem muitas turcas que moram aqui a muito tempo e que falam alemão tão mal como eu. Que elogio sincero! Ganhei meu dia! Ah, nem venham me dizer que estão vendo o capacete na foto, ok? Afinal, gastei mais ou menos 30 minutos de chapinha para abaixar o danado.

11 comentários:

Dona Flor disse...

E eu que estava me animando a procurar um salão amanhã pra dar uma clareada no cabelo... seu post me deixou totalmente desiludida. =(

Paula disse...

Amigaaa,
Não pude me conter, mas morri de rir de vc nesse post, vc é muito engraçada!!!
E nem vem...seu cabelo é lindo, não tem nada de capacete!!!
Beijos

Liane disse...

nossa!!! que maluquice!!!
eu fiz a maluquice de ir no cabelereiro ai!! fiquei mais de meia hora explicando pra mocinha como queria que ela cortasse o meu cabelo. Sim sim.... mais de meia hora! e não foi por ela não entender, era porque ela ficava tentando me dizer que nao ia ficar bom!
Enfim... depois de eras pra convencer a mocinha a cortar o meu cabelo do jeito que eu queria e ainda ter que pagar 35 euros por isso, saí de lá quase xingando ela.... mas consegui o cabelo mais ou menos como eu queria....

Decidi que antes de voltar pra alemanha tenho que fazer um curso de como cortar o próprio cabelo!!!

sorte com o seu cabelo da próxima vez... se é que vai ter alguma!!

e eu gostei do seu cabelo... pelo menos depois de todo o trabalho que você teve com a chapinha!

=D

Laura disse...

Nossa, se você ver o estado do meu cabelo, ai sim vai comparar a um capacete - mas daqueles de mergulhador dos anos 50, sabe.
O seu esta com um brilho lindo!!!!!

Lucia Cintra disse...

Ja ia perguntar isso mesmo: que tal de capacete eh esse que esta falando? Nao vi nada disso na foto, achei que esta com um corte legal, menina. A cor do seu cabelo esta linda.

Que negocio eh esse de embolacao? Fica embarassado? Voce por acaso comeca pentear ou desembarassar de baixo pra cima, pois se comecar de cima pra baixo fica um bolo de no mesmo nas pontas.

Me explica isso, pois ja tive uma fase bem rebelde com meu cabelo e nao foi os shampoos e cremes que me ajudaram, mas sim os produtos que uso depois do banho. Claro que voce nao vai querer comprar shampoo/creme porcaria, mas tb nao precisa gastar uma fortuna nisso.

Eu pinto meu cabelo e uso chapinha e aqueles ferrinhos de enrolar frequentemente e nunca nem preciso fazer um banho de creme com toca termica ou sei la como se chama isso. Pra mim eh so lavar, passar um produto, secar ou deixar secar sozinho e arruma-lo um pouquinho que sempre fica bom.

E nao... meu cabelo nao eh maravilhoso a la naturel, nem lisinho, nem nada. Juro que e' somente o cuidado basico com os produtos que ajudam a mante-lo saudavel.

bjos

camilamanfre disse...

Sou solidária a vc... Já tive experiências ruins por aqui, inclusive levando foto. Meu cabelo tá sem corte, mas o trauma fala mais alto e vou levando, com tic-tacs, tiaras, grampinhos...

Flavia disse...

tudo isso sem falar nas manicures, né?
não sei como é aí... mas aqui se paga uma nota, e nem sabem tirar a cutícula.
Você escolhe:
ou elas empurram a pele da cutícula,
ou vc vai pra casa cheia de buraquinhos.
ai... o primeiro mundo!
bjs

arlete soffiatti disse...

Em 3 anos e meio que estamos aqui eu so fui ao cabeleireiro uma vez e não volto. A minha filha fez o favor de cortar o proprio cabelo e eu tentei arrumar e ficou pior. Achei que levando em um profissional, ele seria capaz de dar uma ajeitada. Coitada da minha filha! Ela sim está com um capacete. Segundo meu marido, ela está com a juba do leão do Madagascar. Bom, o que fazer? Não é so no Brasil que tem o "Pombas Cabeleireiros". Mas parece que todos os cabeleireiros da Alemanha são "Pombas".
Seu cabelo está lindo! Adorei a cor.
Bjs

Ciça Donner disse...

hahahahah entendo perfeitamente! Mas mana nao desiste... nao vei nesses salao de descontao nao... procura um mais ou menos, vai sondando até achar alguém que prete... TEM DE TER ALGUÉM

Dri Viaro disse...

nossa, eu teria passado a tesoura no cabelo dela rsrsrs

bjs

Beth/Lilás disse...

Bia, você tá linda, mas já reparou como está voltando a moda dos cabelos encaracolados, principalmente nas pontas!
Eu que tenho cabelo escorrido que não prega nem um grampo, sonho em ter uns cachinhos pelo menos para dar uma enchidinha mais na cabeça e você aí reclamando.
Mulheres e seus cabelos! tsc tsc
bjs csriocas