18 de novembro de 2008

A maldade humana

Hoje mais cedo fiquei super chateada com alguns comentários que fizeram sobre as fotos da minha irmã no orkut. Comecei a pensar por que algumas pessoas são tão más. Como conseguem machucar as pessoas gratuitamente. Os comentários que fizeram da Ninha, me fizeram refletir o quanto estamos cercados de sentimentos ruins, falta de respeito pelo próximo e falta de amor.

Sem falar que a maldade não fica em palavras ruins, mas em coisas maiores como assassinatos terríveis que infelizmente se tornaram parte da nossa rotina. As vezes me sinto tão cansada e sem esperanças com esse mundo. Sinto que cada vez fica mais raro encontrar pessoas de caráter, e que cada vez o amor se torna mais frio no mundo.

Alguns filósofos antigos acreditavam que os seres humanos são naturalmente bons, dotados de compaixão e capazes de escolher entre o bem e o mal, portanto o mal eh resultado de influencias externas. Outros defendiam que os seres humanos são naturalmente maus e que necessitam de educação para se tornarem bons. Independente de qual teoria seja verdadeira, acho que o mais importante e urgente eh descobrir uma maneira de extinguir a maldade do mundo, o que infelizmente duvido que aconteça algum dia. Então o que nos resta eh desenvolver alguns sensores de idendificacao das pessoas em quem ainda podemos confiar, pessoas que exalam sentimentos puros e verdadeiros. To pensando em patentear essa idéia, quem sabe dá certo.

Felizmente, ainda podemos encontrar alguns tesouros espalhados pelo mundo, ? Algumas pessoas que fazem a vida valer a pena. Na verdade era sobre essas pessoas que eu tinha pensado em falar antes de conversar com a Ninha, e assim que minha chateação passar prometo voltar nesse assunto.

Ah, vou deixar uma frase que sempre repito pra mim mesma e que tenho dentro de mim pra nunca me esquecer que o mais importante no mundo eh o amor e pra nunca desistir de amar:

"Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de de sua pele, por sua origem ou ainda por sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender; e, se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar.” (Nelson Mandela)

2 comentários:

Anônimo disse...

Ei,Bete,que coisa chata.Muito desagradavél.Eu detesto esse tal de orkut.Minhas meninas não têm e evitam ficar fuçando o dos outros.
Um dia esse povo cresce.
Não fique triste.
Beijos,Lucia.

Lucia Cintra Stevenson disse...

Eu sempre tive curiosidade de entender o comportamento dessas pessoas. Aquelas que so desejam o mal dos outros, que deixam comentarios mal educados por motivo nenhum, as que tiram prazer com o sofrimento dos outros...

Ja tentei ate pesquisar a respeito uma vez, mas cada caso e' um caso e nao da mt pra generalizar.

Nesse ultimo findi, mencionei que assisti aquele filme 'the strangers' sobre 3 pessoas que invade a casa de um casal e os aterrorizam e os torturam por puro prazer.

Enquanto minha irma e cunhada gritavam com as cenas eu so conseguia repetir 'mas pq estao fazendo isso!!!???'

A personagem do filme no final fez a mesma pergunta e um deles simplesmente respondeu que era pq o casal estava em casa.

Vai entender! E esse filme foi baseado em um fato veridico.

Eu juro que nao entendo, essas pessoas nao devem ser normais ou sao mal amadas, invejosas e coisa parecida.

Comentarios assim chateia mesmo, mas diz pra sua irma nao dar mt importancia, pois essas pessoas nao sao importantes. E se der, ate bloqueie os comentarios anonimos (como eu fiz). Eu acho que se querem ser grossos comigo, pelo menos tenha a decencia de se identificarem. Bjos